27 de nov. de 2015

Africanos e o Ciclo do Ouro no Brasil

Fonte: Thinkstock/BBC Brasil
Olá galera do 8º Ano!

Infelizmente, não poderemos nos aprofundar muito no Ciclo do Ouro no Brasil, em razão do tempo escasso. Mas para concluirmos esse estudo, gostaria de trabalhar com vocês um trecho da entrevista que o historiador africanólogo Alberto da Costa e Silva concedeu à BBC Brasil no dia 20.11.2015, dia da Consciência Negra.


Vamos ler e debater o texto em sala de aula.

Confira abaixo:

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Costa e Silva: De maneira geral, quando se estuda a história do Brasil, o negro aparece como mão de obra cativa, com certas exceções de grandes figuras, mulatos ou negros que pontuam a nossa história. O negro não aparece como o que ele realmente foi, um criador, um povoador do Brasil, um introdutor de técnicas importantes de produção agrícola e de mineração do ouro.
BBC Brasil: O senhor poderia citar alguns exemplos?
Costa e Silva: Os primeiros fornos de mineração de ferro em Minas Gerais eram africanos. Fizemos uma história de escravidão que foi violentíssima, atroz, das mais violentas das Américas, uma grande ignomínia e motivo de remorso. Começamos agora a ter a noção do que devemos ao escravo como criador e civilizador do Brasil.
Quando o ouro é descoberto em Minas Gerais, o governador de Minas escreve uma carta pedindo que mandassem negros da Costa da Mina, na África, porque "esses negros têm muita sorte, descobrem ouro com facilidade". Os negros da Costa da Mina não tinham propriamente sorte: eles sabiam, tinham a tradição milenar de exploração de ouro, tanto do ouro de bateia dos rios quanto da escavação de minas e corredores subterrâneos. Boa parte da ourivesaria brasileira tem raízes africanas.
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Alberto da Costa e Silva. "Descendentes precisam saber que a história da África é tão bonita quanto a da Grécia" [entrevista]. BBC Brasil. Disponível em: <http://www.bbc.com/portuguese/noticias/2015/11/151120_entrevista_historiador_fe_ab> Acesso em 25 nov 2015 às 18h.

Nenhum comentário: