26 de mar. de 2019

Trabalhando com séculos [6º]


Olá galera dos 6ºs Anos!

Esta semana vimos a importância de conhecermos a contagem dos séculos para o estudo de História.

Como vocês já sabem, um século é formado por 100 (CEM) anos! E em História costumamos datar algum evento utilizando o século como unidade de medida. Por exemplo: dizemos que o fim do Império Romano do Ocidente se deu no século V (Cinco), ou que a colonização do Brasil por Portugal teve início no século XVI (Dezesseis).


Como faço para saber a que século pertence determinado ano?

Existe uma regrinha bem simples e que ajuda bastante:

Para anos terminados em dois zeros (00), como 1500 por exemplo, nós devemos simplesmente eliminar esses zeros. O número que sobrar é o número do século:

1500 = 1500 = 15 (O ano 1500 pertence ao século 15, ou XV em algarismos romanos).

Para quaisquer outros anos, ou seja, aqueles que não terminam em dois zeros, como 1354 por exemplo, nós devemos eliminar os últimos dois algarismos e somar 1 ao resultado:

1354 = 1354 = 13+1 = 14 (O ano 1354 pertence ao século 14 ou XIV em algarismos romanos)

E como faço para saber quais anos pertencem a determinado século?

Nesse caso, o raciocínio precisa ser o inverso. A primeira coisa que preciso saber é que TODO INÍCIO DE SÉCULO termina em 01, e TODO FIM DE SÉCULO termina em 00.

Para saber em que ano começa e termina o século 20 (XX), por exemplo, devemos subtrair 1 ao século e incluir os números 01 no final (para saber o ano de início) e simplesmente incluir os números 00 no final do século (para saber o ano final), assim:

20-1 = 19 = 19+01 = 1901 (O século 20 se inicia no ano 1901).
20+00 = 2000 (O século 20 termina no ano 2000).

Mais um exemplo, agora com o século 4 (IV):

4-1 = 3 = 3+01 = 301 (O século 4 se inicia no ano 301).
4+00 = 400 (O século 4 termina no ano 400).

E quanto aos algarismos romanos?

É tradição indicar os séculos pelos seus correspondentes em algarismos romanos. Para saber como fazer isso, é preciso decorar apenas os seguintes símbolos:

I = 1
V = 5
X = 10

É preciso saber também que nos algarismos romanos, cada símbolo (letra) só pode ser repetido no máximo 3 vezes. Dessa forma, se eu quiser representar o número 3, eu só preciso repetir o símbolo referente a 1 três vezes: III (1+1+1=3).

Mas se eu quiser representar o número 4, não posso repetir o número 1 quatro vezes, assim: IIII. Então o que eu faço é colocar a letra que representa o número 1 (I) ANTES da letra que representa o número 5 (V), assim: IV. Desse jeito, é como se eu estivesse fazendo uma subtração, 5-1=4.

O mesmo acontece com o número 9. Eu represento o número 8, com um símbolo para 5 (V) e três símbolos para 1 (III), 5+3=8, ou VIII. Mas para representar o número 9, eu não posso fazer isso: VIIII, porque não posso repetir uma mesma letra mais de 3 vezes. Então o que eu faço é colocar a letra que representa o número 1 (I) ANTES da letra que representa o número 10 (X), assim: IX. Novamente, é como se eu estivesse realizando uma subtração, 10-1=9.

Os números 4 e 9 são os únicos em que representamos essa subtração, colocando o I antes do V ou do X (ao menos para representar números baixos, como os dos séculos). Para os demais números é só realizar uma soma. Para representar o século 32, por exemplo, eu uso três símbolos para 10, XXX, e dois símbolos para 1 (II), formando o número XXXII, sendo assim:

X+X+X+I+I = 10+10+10+1+1 = 32.

------------------

Estude bastante este assunto, faça alguns exercícios, e com certeza logo logo você estará craque no domínio dos séculos! =)




Nenhum comentário: