19 de set. de 2011

Roma Antiga - origens (1o ano)


Estátua etrusca de bronze representando a loba amentando os gêmeos Rômulo e Remo (supostos fundadores de Roma). As imagens dos gêmeos foram acrescidas durante o Renascimento.

Roma Antiga (origens)
A civilização romana resultou da fusão de vários povos e culturas. Os latinos, dos quais os romanos são descendentes, são étnica e culturalmente aparentados aos gregos: possuem língua, deuses e costumes de origem comum.
Os romanos fixaram a data de fundação da sua cidade no ano de 753 a. C. Escavações arqueológicas confirmam que por volta do século VIII a. C. já havia uma aldeia de pastores e agricultores no local. Essa aldeia e outras vizinhas acabaram sendo conquistadas e dominadas pelos etruscos, um povo provavelmente de origem asiática que desenvolveu uma brilhante civilização no norte da Península Itálica. Foi com a dominação etrusca que Roma deixou de ser uma simples aldeia e se tornou uma verdadeira cidade.
Roma se constituiu, primeiramente, como monarquia. O rei era escolhido por uma assembleia de cidadãos e tinha funções políticas, militares e religiosas.
As famílias ricas iam dominando grande parte das propriedades e ocupando as funções mais importantes do governo. Seus membros eram os patrícios, descendentes dos chefes das famílias fundadoras da cidade. Os demais eram considerados plebeus e eram pequenos proprietários, comerciantes ou artesãos; não tinham participação política.
A partir de 616 a. C., segundo a tradição, Roma passou a ser governada por reis etruscos. Os patrícios derrubaram o governo etrusco (apoiado pelos plebeus, inimigos dos patrícios) em 509 a. C., e instituíram a República (do latim: res publica = coisa pública).
                        
Fonte: PEDRO, A. LIMA, L.S. “As origens de Roma”. In: História sempre presente, vol. 1. São Paulo: FTD, 2010, pp. 170-172.

A partir do texto acima, sugeri questões que os levassem a:
1. Reconhecer que as informações da tradição e das escavações arqueológicas sobre a fundação de Roma são semelhantes, visto que o ano 753 a.C. (data da tradição) está localizado no século VIII a.C.
2. Comparar a monarquia romana com as monarquias ocidentais, identificando como principal diferença o fato de o monarca romano ser eleito por uma assembleia de cidadãos, enquanto nas monarquias orientais até aqui estudadas a sucessão era hereditária.
3. Montar uma pirâmide social, reconhecendo o privilégio dos patrícios (topo da pirâmide) sobre os plebeus (base da pirâmide).

Um comentário:

gisele disse...

eu acho que vcs pode ter muito mais copetencia colocar tambem outros assuntos e colocar as fontes de onde vcs tiraram todas as suas pesquisas vcs alunos podem ser capazaes de muitas coisas mas nenhuma delas pode se comparar com os sites mais avançados melhorem o site com mais alternativas minhas aulas melhoraram e muito falando obre este assuntoe colocando as perguntas que vcs aviam dado uma dica!! obg e tbm ajudou muitos alunos meus